O Escritório do MooMAA

As atividades profissionais dos integrantes do escritório Moojen & Marques Arquitetos Associados datam de mais de sessenta anos na área da arquitetura e urbanismo, com projetos de edificação, planejamento urbano, desenho urbano,  paisagismo,  tecnologia, interiores, comunicação visual e design. Os projetos aqui apresentados são a seleção de alguns trabalhos representativos desta produção.

O MooMAA está sediado no Edifício IAB - Instituto dos Arquitetos do Brasil  (projeto  de Arq. Carlos Maximiliano Fayet, 1958) desde 1960, no Centro Histórico de Porto Alegre.
Os projetos do
MooMAA tiveram a participação  de diversos co-autores, colaboradores, parceiros e consultores,  alguns relacionados abaixo, em ordem cronológica decrescente, que em equipe, também são autores dos  trabalhos apresentados.

O Site Web do MooMAA

Passados sessenta e quatro anos, no exercício ininterrupto da arquitetura, quase sempre acompanhado de colegas, participei de inúmeros projetos, os quais descuidei-me de organizar. Quis a evolução da tecnologia e meu filho Sérgio propiciar a reunião destas obras, conjuntamente com outras de nosso escritório e equipe, de forma palatável, para quem no futuro tenha interesse de conhecer. 

Agora, no epílogo da carreira, estou menos inquieto ao ver o trabalho produzido e agora preservado. Também tranquilo de ter trabalhado com tanta gente boa.

After sixty-four years, in the uninterrupted exercise of architecture, almost always accompanied by colleagues, I participated in countless projects, which I neglected to organize. Wanted the evolution of technology and my son Sergio to bring together these works, together with others from our office, in a palatable way, for those who in the future have an interest to know.

Now, in the epilogue of my career, I am less anxious to see the work produced and now preserved. Also quiet to have worked with so many good people.

Moacyr Moojen Marques, Nov. 2018

Páginas w.e.b de escritórios de arquitetura são uma espécie de pórtfolio de sua produção, com as melhores imagens e desenhos, das obras mais importantes. O site w.e.b do  MooMAA tem, além disto, outros objetivos:

o primeiro, narrar uma história,  como diz meu pai, de sessenta e quatro anos de arquitetura e urbanismo, desde a vanguarda da Arquitetura Moderna no Sul do Brasil, de ascendência carioca nos anos 1950 e paulista a seguir, nos 1960 e 1970, porém com atributos formais e construtivos, alimentados por conexões platinas, que definem certa maneira de fazer arquitetura moderna brasileira no sul.  A seguir, já com os filhos em marcha no escritório, a crise e revisão do movimento moderno brasileiro, nos anos 1980 não passou incólmune, assim como os novos paradigmas da cena contemporânea, dentre eles certa revalidação da arquitetura moderna produzida sob a égide da história, paisagem e ambiente. 

O segundo, de disponibilizar, além das informações básicas de cada projeto, e seus autores, outros links de bibliografias, publicações, entrevistas e vídeos disponíveis sobre as obras, bem como material didático sobre aquelas em que os arquitetos do MooMAA, todos professores, apresentaram em aulas e conferências, ou mesmo produziram em publicações e pesquisas. Desta maneira a conjunção da prática profissional encontra-se com o meio acadêmico, contando também outra história.

No limiar da terceira geração de arquitetos do MooMAA, estas histórias, certamente terão outros capítulos.

Pages w.e.b of architecture offices are a kind of portfolio of his production, with the best images and drawings, of the most important works. MooMAA's site w.e.b also has other objectives:

the first, to tell a story, as my father says, of sixty-four years of architecture and urbanism, from the vanguard of Modern Architecture in Southern Brazil, of Carioca ancestry in the 1950s and São Paulo in the 1960s and 1970s, with formal and constructive attributes, fed by Prata region  connections, which define a certain way of making modern Brazilian architecture in the south. Then, with the sons moving in the office, the crisis and revision of the Brazilian modern movement in the 1980s did not pass unnoticed, as did the new paradigms of the contemporary scene, among them a certain revalidation of modern architecture produced under the aegis of history , landscape and environment.

The second was to make available, in addition to the basic information of each project, and its authors, other links of bibliographies, publications, interviews and videos available on the works, as well as didactic material on those in which the MooMAA architects, all professors, presented in lectures and conferences, or even produced in their research. In this way the conjunction of professional practice meets with the academic environment, also telling another story.

At the threshold of MooMAA's third generation of architects, these stories will surely have other chapters.

Sergio M. Marques. Nov. 2018

Equipe, sócios, colaboradores e parceiros de projeto, ao longo de sessenta anos (2018 / 1960)

Moacyr Moojen Marques
Fundador do MooMAA, 1960
Fundador da Equipe de Arquitetos, 1962

Arquiteto (FA/UFRGS, 1957), Urbanista (FA/UFRGS, 1960)
Professor FA/UFRGS (Urbanismo e Arquitetura Paisagista - 1968 a 1978),
Arquiteto e Urbanista da Prefeitura Municipal de Porto Alegre (1958 a 1987).
Medalha Cidade de Porto Alegre (1987). Cidadão Emérito de Porto Alegre (1997)
Arquiteto do Ano (SAERGS, 2000),
Urbanista de destaque no cenário nacional (Câmara dos Deputados, Brasília, 2005).
José Carlos Marques
Sócio do MooMAA desde 1984

Arquiteto (Ritter dos Reis, 1982), Mestre em Teoria, História e Crítica da Arquitetura (PROPAR/UFRGS, 2003). Especialista em Ensino e Pesquisa em Arquitetura (UniRitter, 1991). Especialista em Expressão Gráfica na Arquitetura (FA/UFRGS, 1991). Professor do UniRitter de 2000 a 2017. Professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul desde 2005.
Sergio M. Marques
Sócio do MooMAA desde 1987.

Sócio da Tangran AA de 1984 a 1987. Arquiteto (FAU/UniRitter, 1984). Mestre em Teoria, História e Crítica da Arquitetura (PROPAR/UFRGS,1999). Doutor em Arquitetura Moderna Brasileira, (PROPAR/ UFRGS, ESTAB/UPC, 2012), Prêmio CAPES de Tese, 2013. Professor e pesquisador do UniRitter de 1985 a 2017. Coordenador do Curso de Arquitetura do UniRitter de 1987 a 2008. Professor do Departamento de Arquitetura, desde 1989 e PROPAR - FA/UFRGS desde 2018.
Valentina M. Marques
Colaboradora do MooMAA desde 2007

Arquiteta (UniRitter, 2010). Mestre Teoria, História e Crítica da Arquitetura (PROPAR/UFRGS, 2016), Doutoranda (PROPAR/UFRGS, 2016)
Lucas C. M. Marques
Colaborador do MooMAA desde 2013.

Colaborador do MAPA desde 2018.
Estudante de Arquitetura (UniRitter, 2013).
Monica L. Bohrer
Colaboradora do MooMAA desde 1999.

Colaboradora do Julio Ramos Collares e Dalton Bernardes Arquitetura Ltda. desde 2001.

Arquiteta (FAUPUCRS, 2003). MBA em Marketing (UNIRITTER, 2016). Especialista em Patrimônio Histórico Brasileiro (PUCRS, 2015). Mestranda (PROPAR UFRGS, 2017). Arquiteta autônoma escritório BML8 Estúdio Criativo, atuando nas áreas de desenvolvimento de projeto, design gráfico, arquitetura efêmera e editoração de livros.
Barbara Mello
Colaboradora do MooMAA desde 2008

Colaboradora do Fayet Arquitetos Associados desde 2005.
Colaboradora da SPM Engenharia, desde 2011.

Arquiteta (FA/UFRGS, 2002). Especialista em Engenharia da Produção (PUCRS, 2015)
Caroline Beatriz Picolo
Colaboradora do MooMAA em 2015

Natural de Tenente Portela-RS.
Design de Produto UniRitter, Porto Alegre (2005, inconcluso);
Arquiteta e Urbanista pelo UniRitter, Porto Alegre (2013);
Mestrado em Arquitetura pelo UniRitter / Mackenzie, Porto Alegre (2016);
Doutoramento em Arquitectura pela Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto, Porto, Portugal (2017).
Cecilia Obiol
Colaborou no MooMAA no concurso para a FECOMERCIO em 2011.
Arquitecta por la Escuela Técnica Superior de Arquitectura de Barcelona. 2007-2010 Profesora de proyectos en la Escuela Técnica Superior de Arquitectura de Barcelona. Colaboradora nos Estudios Flores & Prats Arquitectura, Santiago Vives Sanfelieu, David Chiepperfield Arquitectos e BOMA.
Camila da Rocha Thiesen
Colaboradora no MooMAA entre 2007 e 2008.

Arquiteta e Urbanista (FAU/UniRitter, 2012)
Arquiteta sócia fundadora do Metropolitano Arquitetos (desde 2012)
Finalista Opera Prima 24ª edição (2013)
Participante favorito Archiprix International (Moscou, 2013)
Prêmio Jovem Arquiteta do Ano SAERGS (2013)
Karla Tomila Roman
Bento Gonçalves,1984
London, 2017.
Homenagem especial à extraordinaria colaboradora
Colaborou no MoMAA em 2007/2008.Arquiteta Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brazil, 2003-2008
Politecnico di Torino, Italy
Master of Architecture (MArch), Architectural Environment and Land, 2009-2011
UCL/The Bartlett School of Architecture, United Kingdom
Professional Practice & Management in Architecture (ARB/RIBA) 2016 - (..)
Architectural Assistant
LOM architecture and design 2015 / 2017, London.
Luciane Kinsel
Colaboradora do MooMAA entre 2005 a 2006

Arquiteta e Urbanista (FAU/UniRitter, 2004). Mestre em Habitabilidade da Edificação e da Urbanização (PROPAR/UFRGS, 2009). Em 2010 foi Consultora da OEI em projetos e obras de Praças e Centros Comunitários. Professora do Curso de Arquitetura da UNIVATES, de 2010 a 2013. Sócia da LKF Arquitetura e Urbanismo, de 2011 a 2016. Professora do Curso de Arquitetura da UNISINOS desde 2013.
Show More

© 2018 Sergio M. Marques | Wix.com

+55 51 32258938 | moomaa.arq@gmail.com

  • Facebook - MooMAA
  • Instagram - MooMAA
Camila da Rocha Thiesen

Colaboradora no MooMAA entre 2007 e 2008. Arquiteta e Urbanista (FAU/UniRitter, 2012) Arquiteta sócia fundadora do Metropolitano Arquitetos (desde 2012) Finalista Opera Prima 24ª edição (2013) Participante favorito Archiprix International (Moscou, 2013) Prêmio Jovem Arquiteta do Ano SAERGS (2013)

Go to link